Como utilizar seu Banneton® Não poderia ser mais fácil

Passo 1 Coloque farinha

Para que o pão não grude no Banneton, é necessário colocar farinha nele. Utilize a farinha que desejar, porém as mais recomendadas são farinha de arroz ou fubá.


Use uma peneira e incline seu Banneton ao deixar a farinha cair, assim você gasta menos farinha e ela cai mais uniformemente.

Banneton sendo enfarinhado. Crédito: Estúdio Bê
Crédito: Estúdio Bê
Passo 2 Transfira a massa

Nessa etapa, é necessário colocar a massa modelada para descansar e o procedimento não poderia ser mais simples. Basta colocá-la de cabeça para baixo no Banneton, com cuidado para não estragar o formato.


Cubra seu Banneton com uma sacola ou pano úmido e deixe a massa crescer até a hora de assar. Se quiser retardar a fermentação, você pode colocar o seu Banneton na geladeira.

Massa sendo colocada no Banneton. Crédito: Estúdio Bê
Crédito: Estúdio Bê
Passo 3 Assar e limpar

Após o descanso, chegou a hora de assar o pão. Com o Banneton nas mãos, basta virá-lo de cabeça para baixo e a massa vai desenformar na superfície onde você deseja assar.


Nunca coloque seu Banneton dentro do forno.


Com o pão assando no forno, você já pode limpar seu Banneton. Não é necessário lavá-lo, basta pegar alguma escova ou pincel, retirar o excesso de farinha e deixá-lo em algum lugar arejado por algumas horas para perder umidade. Pronto, ele já está pronto para outra fornada!

Banneton e Pão assado na panela. Crédito: Estúdio Bê
Crédito: Estúdio Bê

Perguntas frequentes

  • Como eu escolho o banneton certo?

    É simples: você só precisa se atentar à capacidade de massa do banneton e ao tamanho dele.

    Primeiro, verifique sua receita e some todos os ingredientes, em gramas, para a massa de 1 pão. Esse é o número que você deve usar para ver se o banneton comporta a sua massa*.

    Depois, verifique o tamanho da sua assadeira ou da sua panela. O banneton não pode ser maior que ela, senão a massa não vai caber na hora de assar.

    (*) Caso a soma dos ingredientes passe um pouco, não há problema. Há uma margem de segurança de aproximadamente 100 g em cada banneton

  • Eles realmente duram uma vida?

    Sim! Se você cuidar bem deles, poderá passar para os seus netos. Eles não deformam e nem se desgastam.

    É bem simples: sempre limpe seu banneton® após o uso e deixe-o secar antes de guardar.

    Ao contrário da maioria dos acessórios, quanto mais você utilizar seu banneton, mais tempo ele irá durar.

  • Posso usar juntamente com um forro?

    Sim, mas não é necessário. Utilizando um forro, você não vai obter as tradicionais marquinhas nas laterais dos pães.

  • Como faço para lavar?

    Na maior parte do tempo, você não precisa lavar seu banneton.

    Se você precisar lavá-lo, faça em um dia de sol forte e tente não utilizar nenhum tipo de sabão ou mistura química. É só deixar ele secar muito bem antes de guardar.

  • Meu pão ainda está grudando. O que fazer?

    Se você não está utilizando farinha de arroz ou fubá, tente utilizá-las. São facilmente encontradas em supermercados.

    Utilize também uma peneira para colocar a farinha. Isso faz com que ela caia mais uniformemente no banneton.

Criando um fermento natural

Quer passar para o próximo nível? Aprenda a utilizar um fermento natural.


Além de uma seção com as dúvidas mais frequentes sobre como criar o fermento natural, aqui você encontra uma série de vídeos com o Luiz Américo Camargo, autor do livro Pão Nosso.


Criando um fermento natural

Fermento natural em diferentes estágios

Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Condições de Uso.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

;